Conjuntos de Lingerie para lindas Mulheres

Quando falamos em conjuntos de calcinha e sutiã, temos que ter em mente o conforto overall e modelos mais casuais para combinar com vários appears to be para qualquer ocasião.

Escolher o melhor conjunto de calcinha e sutiã nunca é fácil, não é verdade? Cada mulher tem suas particularidades e uma parte do corpo que gosta de evidenciar. É bom pensar em todas essas questões na hora de escolher o melhor modelo e não arrepender depois.

E para te ajudar, resolvemos separar aqui ideias de modelos de conjuntos de calcinha e sutiã para você tirar todas as dúvidas. Vamos conferir?

seven conjuntos de calcinha e sutiã

1 – Conjunto strappy de rendas

sutia-calcinha


As rendas nunca nos decepcionam e trazem o conforto excellent para usar durante o dia a dia. Este modelo traz a união do conforto das rendas com a sensualidade da are likelyência strappy. Vale a pena apostar em um modelo diferenciado como este para usar em seems casuais.

two – Conjunto colorido

Um bom conjunto colorido não pode faltar na gaveta de lingeries de uma mulher. Os conjuntos coloridos podem ser usados com aquela leve transparência, com regatas cavadas e para dar aquele contraste em blusinhas de alcinhas coloridas. Se quiser apostar, você encontra um modelo com a cor tendência.

3 – Conjunto de sustentação

sutia-calcinha-preto
Uma boa lingerie é aquela que traz sustentação, conforto e a segurança que a mulher precisa no dia a dia. Este modelo possui uma foundation mais larga, bojo que valoriza o colo e calcinha de alças mais largas. Vale a pena apostar symbol em várias cores deste modelo.

4 – Conjunto sensual

Quem foi que disse que conjunto sensual não pode ser usado no dia a dia? Toda mulher precisa daquela pitada de sensualidade para dar um up na autoestima, não é verdade? E este modelo tem o diferencial dos detalhes no decote, você pode criar um trançado com fita de cetim. Combina perfeitamente com decotes detalhados, vestidos e blusinhas de alças finas.

5 – Conjunto branco

Uma das cores mais clássicas e indispensáveis na gaveta de lingerie. O branco combina com tudo e é a cara de seems casuais. Além disso, este modelo aproxima e une os seios, deixando o colo muito mais valorizado.

six – Conjunto de sutiã nadador

Outra peça essential. Principalmente na época do verão é comum usarmos modelos de blusinhas com detalhe nadador, e aí com qual sutiã usar? Além disso, este modelo traz um detalhe de rendas no nadador, podendo ser usado mesmo para aparecer. Muito prático e moderno, se quiser conferir mais cores é só

seven – Conjunto nude

É tão essencial quanto o branco. O modelo de sutiã branco pode eventualmente aparecer quando utilizado mais informações com alguma peça branca. Já a cor nude fica imperceptível com qualquer cor de peça. Este é um modelo super básico, confortável e que se ajusta perfeitamente ao corpo. Quer conferir?

Agora você tem 7 motivos para renovar o mais rápido possível sua gaveta de lingerie. Aposte nestes modelos e você nunca mais irá se preocupar com a lingerie perfeita para cada seem do dia a dia. Qual deles é mais a sua cara? Conta pra gente!

As melhores dicas em Lingerie

Você já parou para pensar em como se vestir para arrasar na cama? Pois bem! Esse é um assunto que realmente mexe com a curiosidade da grande maioria das mulheres, até porque todas querem manter a sensualidade e elegância na cama.

Que mulher não gosta de se sentir desejada pelo seu parceiro? Aliás, que homem consegue resistir ao charme de uma mulher que está vestindo uma linda lingerie? Essas questões são reais e precisam ser respondidas da melhor maneira possível.



TODAS as mulheres gostam de ser desejadas pelos seus parceiros, assim como nenhum homem consegue resistir a uma grande investida feminina. O ponto está em como se fazer ser desejada para que o homem em questão simplesmente não resista!

Se você deseja realmente aprender como se vestir para arrasar na cama go on conferindo o nosso artigo e verifique tudo o que foi desenvolvido especialmente para que todas as questões sobre esse assunto fossem esclarecidas.

Como se vestir para arrasar na cama: as melhores dicas e informações sobre esse assunto

Você que é mulher precisa entender algo: toda e qualquer mulher possui a sua beleza specific e isso precisa ser usado ao seu favor, por isso está na hora de VOCÊ arriveçar a se sentir mais confiante e passar essa ideia para o seu parceiro.

Confira como se vestir para arrasar na cama a partir das seguintes dicas:

Não fique complicando demais
Vamos ser bem sinceras, os homens não possuem muitas habilidades com fechos de sutiã, por isso tente não complicar demais a vida deles.

Dê favorência para os modelos que são mais simples nesse sentido, pois assim será possível evitar qualquer tipo de constrangimento entre o casal.

Leve em consideração o gosto do parceiro
O gosto do parceiro tem grande influência nesse assunto, principalmente na hora de escolher uma lingerie ou os acessórios eróticos. É claro que você precisa estar se sentindo confortável com tudo o que será usado sempre.

Normalmente as cores que os homens mais gostam são: vermelha, branca e preta. Essa dica é de ouro, pois foi dada por uma dona de sex store da cidade de São Paulo.

Fuja do bege
Sabe aquela sua lingerie bege que é Tremendous confortável? Deixe a mesma para o dia-a-dia e não para os momentos íntimos a dois. É fato que nenhum homem vai se sentir atraído por essa cor de lingerie, então deixe essa ideia completamente de lado.

Mostre com bom senso
Se você optar por usar uma roupa mais decote, tente não mostrar as pernas. Se escolher mostrar mais as pernas, guarde o decote para um momento a dois. Acontece que tudo precisa ter uma boa dose de bom senso. Nunca exagere!

Já em relação a lingerie, use uma que realmente mostre, mas que mesmo assim ainda deixe o seu parceiro totalmente curioso. Use e abuso do fio dental e transparências, por exemplo.

Ouse mais
Não tenha medo de ousar com o seu parceiro. É claro que você pode ir se soltando aos poucos, pois assim é possível trabalhar a imaginação do mesmo.
A lingerie deve ser Verifique aqui escolhida cautelosamente e com bastante critério, primeiro porque é uma peça de roupa que fica em contato direto com nosso corpo elas são a peça chave no caimento de algumas roupas, emblem, investir em uma lingerie incrível vale muito a pena.

A lingerie é conhecida por ser a peça mais íntimas de qualquer guarda-roupa, claro, porque é uso diário das mulheres, ao menos duas peças. E não adianta ter uma boa lingerie se ela tiver qualquer tipo de falha na modelagem, falhas como: um bojo fora do lugar, costas apertadas, barbatanas que não suportam lavagens, alças curtas que marcam os ombros, pesando demais e outros.



Quando se fala em vestir-se bem, o que vem em primeiro lugar é a lingerie. Elas costumam corrigir pequenos defeitos, valorizar o corpo e as formas, sempre com muito conforto e com toques de sensualidade.

Existem muitas opções de cores, tecidos e modelos incríveis com diversos tamanhos que podem ser encontrados no mercado. São peças com ou sem bojo, com bolhas para aumentar os seios, alças removíveis dando diversas opções de uso, sem costura para não marcar a roupa, provocando aquele famoso efeito de segunda pele, calcinhas com enchimento no bumbum e muitas outras variedades

Escolhendo corretamente

Na hora de escolher lingerie, é preciso fazer a escolha certa, considerando o tipo de corpo, cor e modelo da roupa que irá usar, além claro, da ocasião onde ela será usada. Por exemplo, para o dia a dia é legal usar modelos básicos á foundation de algodão ou cotton, deixando as rendas para as ocasiões especiais. A calcinha deve estar aderente á pele, sem enrolar ou marcar porque não é nada legal mostrar o elástico da peça, a não ser que esse seja o propósito da mesma.

As tangas são recomendadas para as pessoas que tenham o bumbum pequeno, para as que possuam o bumbum grande, os modelos escolhidos devem ser largos nas laterais, podendo também ser modelos com Powernet, uma lycra mais resistente, a mesma usada em cintas.



As alças coloridas do sutiã devem estar á mostra caso façam parte do Visible, até mesmo as alças de silicone devem conter a largura das alças, pois as mesmas refletem a luz, principalmente á noite. Caso sua pele fique marcada, isso significa que você não está usando o modelo correto, nesse caso, é preciso que você escolha por um modelo de número maior.

Use um salto, um espartilho de zífor each e tenha certeza de que o seu parceiro não vai resistir!

Agora você já conhece as principais dicas de como se vestir para arrasar na cama, por isso não perca mais seu tempo, invista nesse momento a dois e tenha certeza de que sua parceira irá adorar!

Se você gostou do que foi conferido nesse artigo, aproveite para ler também sobre Como não perder a elegância na cama clicando aqui e fique por dentro de mais esse assunto. Nós temos certeza que todo o conteúdo poderá ser do seu interesse e vai ajudar a maximizar completamente os seus conhecimentos. Boa leitura.

Tipos de lingerie para seduzir o seu amado

Se você quer apimentar a sua relação, saiba que uma forma fileácil de fazer isso é usando vários tipos de lingerie. Isso mesmo. Ousar na hora do sexo não significa ideias mirabolantes, mas encontrar a maneira certa de aumentar a tensão e o desejo sexual, e é claro fugir da rotina.

Para isso, nada melhor do que trocar a velha calcinha de algodão por uma top entre os mais sedutores tipos de lingerie que existem. Usar a lingerie certa pode ajudar a ter mais confiança na hora do sexo e, a partir daí, as coisas podem appearçar a acontecer de uma maneira diferente. Você nem precisa dizer para o seu amor que quer uma noite quente, basta escolher um dos tipos de lingerie certos para provocar o desejo nele que logo se amado entenderá o recado e, com certeza, não irá resistir. Conheça quais os principais tipos de lingerie que você pode usar para seduzir.

Renda: um dos tipos de lingerie clássicos

Este é um dos clássicos tipos de lingerie para a hora da conquista. A renda é um dos materiais mais sensuais que existem e, por isso, não importa o modelo escolhido, seu parceiro não irá conseguir tirar os olhos de você. Usar uma lingerie de renda pode ser uma ótima opção para aquelas que gostariam de ousar mais, mas muitas vezes não se sentem à vontade com tamanhos pequenos e que não se adaptam ao seu corpo. Um belo conjunto de renda é algo que toda mulher deve ter em seu guarda roupa.

Fio dental

O fio dental é um dos tipos de lingerie que é unanimidade quando o assunto é sedução. Existe uma infinidade de cores e modelos e você pode escolher uma combinação para cada situação. Mas este tipo de lingerie pode ser um pouco desconfortável e até mesmo marcar alguma gordurinha indesejada, por isso, escolha sempre um modelo que valorize o seu corpo.

Corpetes



Outro dos tipos de lingerie que podem levar a sedução a um outro nível são os corpetes. Estas peças são feitas exclusivamente para ressaltar as curvas femininas e valorizam muito o corpo. Você pode usar corpetes de cores claras, que irão passar uma mensagem de romantismo, mas se você quer deixar o seu homem de queixo caído, use um corpete de uma cor forte, como preto ou vermelho Incorporate com meias finas até a altura das coxas. Quer algo mais alluring que isso? Entire com um belo salto alto.

Tipos de lingerie divertidos

A lingerie pode ser, ainda, uma eficiente ferramenta de envio de mensagens. Muitas delas podem vir de estampas divertidas. Elas mostrarão a ele que você não chegou à cama apenas para mais uma boa noite de sono. Além disso, alguns conjuntos podem vir com mensagens na calcinha para não haver likelihood de uma má interpretação. Outra alternativa é usar calcinhas e sutiãs como uma fantasia. Muitos deles podem ser parecidos com um uniforme de policial, enfermeira, etcetera. Por isso, é só escolher a fantasia do dia e se divertir com seu amor com variados conjuntos de calcinha e sutiã.

Dicas de lingerie para impressionar



Entre as dicas de lingerie para conquistar, a mais importante é referente à escolha da cor, que pode ser as tradicionais brancas e pretas, sendo que a vermelha é outra opção que pode levar o homem à loucura. No entanto, hoje, é possível encontrar com muita facilidade uma grande variedade de lingerie attractive nas cores, rosa, azul ou lilás. O único cuidado que se deve ter é com a cor bege, ela é prática para moda íntima atacado e varejo o dia-a-dia, mas pouco vai ajudar a estimular a imaginação de um homem. Por isso, para seduzir e encantar seu gato, a lingerie bege está fora de questão.

As mulheres que são mais branquinhas podem optar pelas cores mais escuras, como o vermelho ou o preto. Uma lingerie branca pode não impressionar muito, pois vai fazer pouco contraste com a cor da pele da mulher. Já as mulheres de pele mais escura e as negras devem usar e abusar das lingeries brancas, sendo que nelas as peças se tornam muito mais atraentes.

As mulheres que são mais branquinhas podem optar pelas cores mais escuras, como o vermelho ou o preto. Uma lingerie branca pode não impressionar muito, pois vai fazer pouco contraste com a cor da pele da mulher. Já as mulheres de pele mais escura e as negras devem usar e abusar das lingeries brancas, sendo que nelas as peças se tornam muito mais atraentes.

Comolavar suas roupas íntimas

A maioria das pessoas gosta de cuidar bem das suas roupas, sabe que a forma como elas são lavadas, passadas, colocadas para secar, armazenadas no guarda-roupa, levadas de um lugar para o outro é fundamental para garantir a durabilidade delas. Afinal, ninguém gosta de ver uma peça desbotando ou se desfazendo em pouco tempo de uso, não é mesmo? Porém, no caso das roupas íntimas os cuidados vão muito além da preocupação com a duração das peças. Não que este ponto não seja importante, mas é fundamente se atentar ao fato de que esse tipo de peça fica em contato direto com regiões do corpo feminino sensíveis a infecções. Por isso, a correta higienização da peça faz toda a diferença quando o assunto é saúde.

O motivo de tanta preocupação é a existência de fungos e bactérias que podem se acumular no tecido de uma calcinha ou um biquíni mal lavado, por exemplo, elevando os riscos principalmente de corrimentos e infecções vaginas.



Roupas íntimas não são como a maioria das roupas comuns. Exigem uma série de cuidados com a limpeza e também no armazenamento. Especialistas indicam atenção especial para essas peças, pois a limpeza mal feita pode não retirar todos os resíduos e sujeiras das roupas, ocasionando riscos à saúde como infecções, irritações e alergias.

Cuidados ao lavar as roupas íntimas

Conheça quais são os cuidados necessários com a higienização de peças como calcinhas, biquínis, maiôs, sutiãs, e também cuecas e sungas.

O best é que as roupas íntimas sejam lavadas separadamente dos outros tipos de roupas.
Roupas íntimas femininas devem ser lavadas separadamente das masculinas.
As roupas íntimas devem ser lavadas de favorência com sabão líquido e com ph neutro.
É fundamental ter o cuidado de enxaguar bem para a peça não ficar com nenhum resíduo de detergente.
Não é indicado usar alvejantes e detergentes muito alcalinos na lavagem dessas peças. Eles estragam as fibras e se não enxaguados corretamente podem causar alergia ou algo parecido já que esse tipo de peça está em contato direto com partes íntimas do corpo humano.
Se a peça íntima (calcinha, biquíni, maiô) for lavada durante o banho com sabonete, ela deve ser enxaguada muito bem.
É recomendável que, mesmo após a lavagem da peça íntima durante o banho, ela passe também pelo processo de lavagem convencional (com sabão neutro).
Nunca se deve pendurar a peça íntima para secar no box. Devido à umidade, as bactérias se proliferam rapidamente e aquela peça fica inadequada para o uso.
Após a lavagem a peça deve ser pendurada num community arejado ou ser colocada na secadora.
É importante que o processo de secagem seja feito em locais longe do acúmulo de poeira.
É elementary olhar a etiqueta da peça e verificar se o fabricante alerta para algum cuidado específico para aquele tecido, cor, ou modelo.
Quem Obter mais informações não tem tempo para tomar todos esses cuidados em casa pode levar as peças íntimas a uma lavanderia, que utilizará os produtos ideais para lavá-las.
Cuidados e dicas para armazenar as roupas íntimas

Na sequência, estão os principais cuidados com o armazenamento das roupas íntimas:

As peças íntimas devem ser guardadas em uma gaveta separada, longe das roupas comuns, meias, e até mesmo roupas de praia como biquínis, sungas e cangas.
Calcinhas e sutiãs devem ser guardados sozinhos em um nearby arejado, de likeência em sacos de TNT, que garantem boa ventilação às peças. “A palavra íntima já diz tudo. Uma peça que vai está em contato direto com a sua intimidade precisa ser separada de outras peças devido a fungos, poeiras, bactérias and many others.”, destaca Rejane.
Quando for viajar, é interessante levar as calcinhas em um saco de TNT, por exemplo, separadas de outras peças na mala.
Os sutiãs também devem ser guardados com cuidado na mala.
Em algumas lojas é possível encontrar os chamados “estojos para sutiãs”. Eles permitem que os sutiãs sejam levados separadamente das demais peças na mala e ainda garantem maior durabilidade às peças (já que não vão amassá-las).
Para viajar, é interessante que cada biquíni seja levado na sua sacolinha.
É interessante que, após a secagem, as calcinhas sejam passadas com ferro quente, pois a temperatura alta elimina as bactérias que possam ter conseguido sobreviver à lavagem.
Sabonetes e perfumadores não devem ser usados nas gavetas onde ficam as roupas íntimas porque podem causar alergias em algumas pessoas.
Cuidados extras com as roupas íntimas

Quando uma pessoa compra uma roupa nova é normal que brand queira usá-la. Mas no caso da roupa íntima isto não é indicado. É fundamental que peças como calcinhas, sutiãs, biquínis and many others. sejam lavadas antes do uso, afinal, estavam em outro ambiente anteriormente e possivelmente tiveram em contato com outras pessoas.

Outro ponto que merece muita atenção é o fato de emprestar ou pegar emprestado peças íntimas. Isso não é indicado, para que ninguém corra o risco de contrair infecções e até algumas doenças, como o vírus HPV.

Nem mesmo os sutiãs devem ser compartilhados. Como o próprio nome diz, roupas íntimas são muito pessoais. Cada pessoa deve ter as suas e cuidar delas com toda a atenção. Afinal, esta é mais uma maneira de cuidar da saúde.

Cuidados essenciais para armazenar e lavar suas roupas íntimas

Especialistas mostram erros comuns e perigosos, principalmente para as mulheres, cometidos com as roupas íntimas. Até mesmo o tipo de roupa íntima que você utiliza, se somado aos seus hábitos diários pode acabar tendo um grande impacto na sua saúde.

Confira a seguir erros comuns que todos nós cometemos, e claro os cuidados que devemos ter com nossa roupa íntima!



Erros comuns que cometemos com a roupa íntima

Roupa íntima muito justa
Além de ser chamativo (alô capô de fusca, alô protuberâncias), calcinhas e cuecas muito apertadas podem causar irritações na pele, principalmente em mulheres.

Segundo especialistas, após a menopausa as paredes vaginais costumam ser mais finais e sensíveis, fazendo com que as irritações sejam ainda mais constantes. De qualquer forma, segundo ela, qualquer peça íntima que friccione a pele e cause irritações está fora de questão.



2. Modeladores

Por fora, bela viola. Por dentro, pão bolorento. Cintas modeladoras e espartilhos disfarçam as gorduras e diminuem alguns números na silhueta, porém são perigosos para a saúde!

Especialistas em saúde da mulher, chamam a atenção para os riscos de interrupção da circulação sanguínea e pode até provocar problemas mais graves no caso de peças realmente apertadas. Estes modeladores podem até causar dormência ou formigamento nas extremidades. Além disso, por ser uma peça difícil de tirar, muitas pessoas seguram mais tempo para ir ao banheiro, causando problemas urinários.



three. Tecidos sintéticos e seda

Os especialistas concordam: tanto faz o content da peça íntima, desde que a área da virilha seja forrada com algodão, para permitir que a pele respire. Tanto a seda como alguns tecidos sintéticos retém a umidade da região vaginal criando um ambiente perfeito para a proliferação de bactérias e fungos. Ou seja, baby-doll de nylon não combina com você!



four. Calcinha fio dental

Há quem sempre use e não sinta nenhum desconforto, mas para quem já tem propensão para manifestar doenças causadas por fungos e bactérias, fica o alerta. O uso de calcinhas fio dental pode ser um veículo de transporte das bactérias da região anal para a vaginal, por conta da movimentação do dia a dia (eita calcinha que nunca para no lugar!) e do maior contato com a região íntima feminina.

five. Roupa íntima para dormir

Faz sentido! Se a ideia é deixar a dita-cuja respirar o máximo possível e evitar umidade e calor na região, dormir sem calcinha é a melhor saída. Confira a dica: “quanto mais tempo você usar lingerie durante o dia, mais tempo deixe de usar durante a noite”.



6. Nada por baixo

Se roupa íntima “respirável” é bom, não usar nada é melhor ainda? Não! Não usar nada por baixo da roupa pode causar outros problemas ainda piores, principalmente porque nossas roupas não costumam ter forro. Para os homens e mulheres há o problema da fricção com tecidos mais grossos como o denims, por exemplo, que pode causar irritações.

Mas as mulheres ainda têm problemas a mais, pois usam saias e vestidos: a umidade natural da região vaginal não tem para onde ir quando se está sem calcinha. Melhor evitar!

7. Roupas íntimas suadas

Já deu pra perceber que quase tudo gira em torno dos fungos e bactérias causadas pelo calor e umidade, certo? No caso de quem transpira demais ali em baixo, a Dra. Moore recomenda a troca das peças íntimas pelo menos duas vezes ao dia.

Até o algodão vira um vilão nesse caso, pois, apesar de absorver a umidade, ele não seca rapidamente. Um absorvente íntimo diário pode ser a solução para as calorentas que não podem se trocar a qualquer momento.
A maioria das pessoas gosta de cuidar bem das suas roupas, sabe que a forma como elas são lavadas, passadas, colocadas para secar, armazenadas no guarda-roupa, levadas de um lugar para o outro é essential para garantir a durabilidade delas. Afinal, ninguém gosta de ver uma peça desbotando ou se desfazendo em Aqui pouco tempo de uso, não é mesmo? Porém, no caso das roupas íntimas os cuidados vão muito além da preocupação com a duração das peças. Não que este ponto não seja importante, mas é fundamente se atentar ao fato de que esse tipo de peça fica em contato direto com regiões do corpo feminino sensíveis a infecções. Por isso, a correta higienização da peça faz toda a diferença quando o assunto é saúde.

O motivo de tanta preocupação é a existência de fungos e bactérias que podem se acumular no tecido de uma calcinha ou um biquíni mal lavado, por exemplo, elevando os riscos principalmente de corrimentos e infecções vaginas.



Roupas íntimas não são como a maioria das roupas comuns. Exigem uma série de cuidados com a limpeza e também no armazenamento. Especialistas indicam atenção especial para essas peças, pois a limpeza mal feita pode não retirar todos os resíduos e sujeiras das roupas, ocasionando riscos à saúde como infecções, irritações e alergias.

Cuidados ao lavar as roupas íntimas

Conheça quais são os cuidados necessários com a higienização de peças como calcinhas, biquínis, maiôs, sutiãs, e também cuecas e sungas.

O perfect é que as roupas íntimas sejam lavadas separadamente dos outros tipos de roupas.
Roupas íntimas femininas devem ser lavadas separadamente das masculinas.
As roupas íntimas devem ser lavadas de wantência com sabão líquido e com ph neutro.
É fundamental ter o cuidado de enxaguar bem para a peça não ficar com nenhum resíduo de detergente.
Não é indicado usar alvejantes e detergentes muito alcalinos na lavagem dessas peças. Eles estragam as fibras e se não enxaguados corretamente podem causar alergia ou algo parecido já que esse tipo de peça está em contato direto com partes íntimas do corpo humano.
Se a peça íntima (calcinha, biquíni, maiô) for lavada durante o banho com sabonete, ela deve ser enxaguada muito bem.
É recomendável que, mesmo após a lavagem da peça íntima durante o banho, ela passe também pelo processo de lavagem convencional (com sabão neutro).
Nunca se deve pendurar a peça íntima para secar no box. Devido à umidade, as bactérias se proliferam rapidamente e aquela peça fica inadequada para o uso.
Após a lavagem a peça deve ser pendurada num regional arejado ou ser colocada na secadora.
É importante que o processo de secagem seja feito em locais longe do acúmulo de poeira.
É elementary olhar a etiqueta da peça e verificar se o fabricante alerta para algum cuidado específico para aquele tecido, cor, ou modelo.
Quem não tem tempo para tomar todos esses cuidados em casa pode levar as peças íntimas a uma lavanderia, que utilizará os produtos ideais para lavá-las.
Cuidados e dicas para armazenar as roupas íntimas

Na sequência, estão os principais cuidados com o armazenamento das roupas íntimas:

As peças íntimas devem ser guardadas em uma gaveta separada, longe das roupas comuns, meias, e até mesmo roupas de praia como biquínis, sungas e cangas.
Calcinhas e sutiãs devem ser guardados sozinhos em um neighborhood arejado, de likeência em sacos de TNT, que garantem boa ventilação às peças. “A palavra íntima já diz tudo. Uma peça que vai está em contato direto com a sua intimidade precisa ser separada de outras peças devido a fungos, poeiras, bactérias and so on.”, destaca Rejane.
Quando for viajar, é interessante levar as calcinhas em um saco de TNT, por exemplo, separadas de outras peças na mala.
Os sutiãs também devem ser guardados com cuidado na mala.
Em algumas lojas é possível encontrar os chamados “estojos para sutiãs”. Eles permitem que os sutiãs sejam levados separadamente das demais peças na mala e ainda garantem maior durabilidade às peças (já que não vão amassá-las).
Para viajar, é interessante que cada biquíni seja levado na sua sacolinha.
É interessante que, após a secagem, as calcinhas sejam passadas com ferro quente, pois a temperatura alta elimina as bactérias que possam ter conseguido sobreviver à lavagem.
Sabonetes e perfumadores não devem ser usados nas gavetas onde ficam as roupas íntimas porque podem causar alergias em algumas pessoas.
Cuidados extras com as roupas íntimas

Quando uma pessoa compra uma roupa nova é standard que brand queira usá-la. Mas no caso da roupa íntima isto não é indicado. É elementary que peças como calcinhas, sutiãs, biquínis etcetera. sejam lavadas antes do uso, afinal, estavam em outro ambiente anteriormente e possivelmente tiveram em contato com outras pessoas.

Outro ponto que merece muita atenção é o fato de emprestar ou pegar emprestado peças íntimas. Isso não é indicado, para que ninguém corra o risco de contrair infecções e até algumas doenças, como o vírus HPV.

Nem mesmo os sutiãs devem ser compartilhados. Como o próprio nome diz, roupas íntimas são muito pessoais. Cada pessoa deve ter as suas e cuidar delas com toda a atenção. Afinal, esta é mais uma maneira de cuidar da saúde.



eight. Sabão e amaciantes comuns

Já sentiu coceiras em lugares desconfortáveis? Mesmo que você não se considere uma pessoa de pele sensível, a sua pepeca discorda. A chamada dermatite de contato é uma forma bem comum de irritação causada principalmente pela alergia a amaciantes e detergentes de lavar roupa. Você pode não sentir nada no resto do corpo, mas a sua região íntima é muito mais sensível e tem contato direto com sua lingerie. Inclusive os perfumes contidos nesses produtos.

Não sei por que nossas vaginas precisam ter o perfume de um jardim, mas eu recomendo que as mulheres usem produtos hipoalergênicos tanto quanto for possível.

1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 13 14 15